TENDÊNCIAS DE USO PARA DRONES EM 2022

O mercado de drones vem, dia após dia, despontando como uma área promissora especialmente pelo fato da diversificação de áreas onde os drones veem sendo aplicados. Seja para realização de entregas, passando por projetos aquáticos de inteligência artificial e segurança pública e privada, o mercado de drone não para de crescer e promete, mais uma vez, oferecer várias oportunidades para pessoas ou investidores que apostarem nesse universo. Pensando nisso a Lord Drone elencou três das principais áreas que veem desenvolvendo projetos para 2022.

DELIVERY COM DRONES

Recentemente, após projetos de entregas por drones, realizados pela pela empresa SpeedBird Aero, começarem no Brasil, o mercado se atentou ao que pode ser o futuro das entregas, podendo ressignificar todo um mercado que parecia ser consolidado e sem perspectiva de grandes avanços. Nos Estados Unidos, a gigante Amazon já começou seus testes com drones, que originalmente, partem dos seus galpões até a casa das pessoas. Desde 2013, a grande empresa estadunidense acena com a possibilidade das entregas com VANTS, mas se o maior varejo do mundo ainda não possui algo concreto e em larga escala é porque a questão não é tão simples quanto pensamos. Além de todos os percalços já citados, ainda possui a regulamentação, que tende a ser mais cuidadosa quando o assunto é a segurança do espaço aéreo. Mesmo assim, o delivery por drones continua sendo uma aposta promissora para os próximos anos e nós da Lord Drone continuamos atentos às novidades para trazer cada passo para você.

Imagem divulgação: SpeedBird Aero

DRONES AQUÁTICOS E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Recentemente, engenheiros do Instituto de tecnologia da Califórnia (Caltech) e da Harvard University, também dos Estados Unidos em parceria com a Universidade Pública de Zurique (Suíça), estão ensinando uma nova inteligência artificial a navegar no oceano, utilizando o mínimo de energia possível. Sim, drones que navegam nas profundezas do mar! Eles estão aí e vieram pra ficar!

Esse sistema permitirá que os drones façam uso das correntes marítimas para melhorar a eficácia do deslocamento, evitando ter que “nadar contra a correnteza” o que acabaria demandando de muito combustível e eletricidade, podendo causar danos ao drone e seus demais componentes. “Quando queremos robôs para explorar o oceano, especialmente em enxames, é quase impossível controlá-los com um joystick a 20 mil pés de profundidade. Em vez disso, precisamos de equipamentos que possam navegar pelas correntes marítimas e tomar decisões sobre como se locomover por conta própria”, explica o professor de engenharia da Caltech John O. Dabiri, coautor do estudo.

Para que o conhecimento da IA seja completo, seria utilizada uma aprendizagem por reforço, que através das experiências dos drones pudessem auxiliar e adicionar mais conteúdos a essa espécie de big data compartilhada entre os equipamentos. A próxima ideia do estudo, é utilizar um tanque de dois andares cheios d’água para simular de fato um ambiente marítimo, podendo assim, ensinar o drone autônomo sobre como navegar nas correntezas oceânicas com grande eficácia.

Imagem Reprodução: Site Onda Azul

DRONES PARA FORÇA DE SEGURANÇA

Atualmente, o clima vivido entre Rússia e Ucrânia não parece dos mais amistosos e a ameaça de intervenção por parte dos yankees parece piorar ainda mais um conflito que nem mesmo se iniciou. Diversos equipamentos tecnológicos têm feito parte da rotina desses países, mas uns clamam por mais atenção que outros. Os drones têm feito parte do cotidiano dessa tensão vivida no leste europeu. Estados Unidos e seu RQ-4 Global Hawk que tem sido utilizado para vasculhar e rastrear boa parte do território ucraniano.
Isso só reforça o quão importante os drones podem se tornar para a segurança de todos os países do mundo. Em menor escala, isso vale para empresas de segurança, que estão investindo em treinamento e em drones para garantir maior seguridade em outras atividades.
Voltando mais para nossa realidade, no Brasil, o crescimento da procura por Treinamentos seja para empresas de segurança privada, seja pra forças de segurança pública, mostra que esta área está em franca expansão e quem se capacitar para usar os drones nas áreas de segurança com certeza sairão na frente dos concorrentes.

O mercado de drones vem, dia após dia, despontando como uma área promissora especialmente pelo fato da diversificação de áreas onde os VANTS veem sendo aplicados. Seja para realização de entregas, passando por projetos aquáticos de inteligência artificial e segurança pública e privada, o mercado de drone não para de crescer e promete, mais uma vez, oferecer várias oportunidades para pessoas ou investidores que apostarem nesse universo. Pensando nisso a Lord Drone elencou três das principais áreas que veem desenvolvendo projetos para 2022.

Imagem reprodução: Guarda Municipal de Campo Grande

Compartilhe em suas redes sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Posts Recentes

Inscreva-se para receber novidades

Receba nossas novidades assim que publicadas.

Posts Relacionados

Confira algumas matérias relacionadas com a que você está lendo!